28.8.09

Em Almada até já proibem manifestações com argumentos da outra senhora

A CDU Almada não se dá bem com a livre crítica. Há dias retirou um cartaz afixado pelos comerciantes porque carecia de uma licença que foi pedida à Câmara através de um requerimento a que esta não se dignou responder. Agora proibiu aos mesmos comerciantes que exercessem democraticamente o direito a manifestarem-se. Leu bem. Quem quer que seja que manda na autarquia que se diz comunista de Almada até já proibe manifestações na tentativa de esconder dos cidadãos os protestos que a sua incompetência gerai. Fá-lo, aliás, invocando argumentos típicos do fascismo. Se antes perturbavam a ordem pública, agora podem perturbar a conhecida fluidez do trânsito do centro da cidade. Se o ridiculo matasse, onde já iam os autarcas que se designam a si próprios de comunistas e que estão entrincheirados na Câmara de Almada.

5 comentários:

Carlos Santos disse...

Sem fazer de modo nenhum juz ao mágnifico espaço que aqui mantém, deixo-lhe uma oferenda em
http://ovalordasideias.blogspot.com/2009/08/premio-o-seu-blogue-e-viciante.html

Abraço,
Carlos Santos

GMaciel disse...

Repito aqui o que já escrevi algures.

Quando um partido defende regimes totalitários e totalmente abjectos no que aos direitos humanos respeita, não pode ser democrático por mais que se pinte como tal.

Não percebo a dificuldade em ver isto, sinceramente.

abraço

PS: transferi para este o que havia escrito indevidamente no anterior post.

Curioso ... disse...

Dr. Paulo Pedroso,

Sei que não vai publicar o que a seguir escrevo, mas mesmo assim aqui fica o que penso.

Recorde-me uma coisa: foi você quem aqui falou em "política canalha", insurgindo-se contra essa forma de estar na política?

Estou convencido que sim, foi mesmo você!

Ora como ex-membro do Governo do País, ainda membro do Parlamento da Nação e candidato a Presidente da Câmara Municipal de Almada, eu, simples cidadão anónimo, não quero acreditar que V. Exª desconheça as regras mais elementares do Estado Democrático. É que não posso mesmo, simplesmente, acreditar nessa possibilidade.

Então a CDU, organização político-partidária, pode proibir manifestações de cidadãos, direito constitucionalmente consagrado e inviolável? Pode????

Mais do que isso: diz que a CDU proibiu. Proibiu o quê no concreto? Você não diz, só diz que proibiu.

Ainda mais: com argumentos do tempo da outra senhora, diz V. Exª. Esqueceu-se (só pode ter sido esquecimento) de dizer quais foram esses argumentos.

Finalmente, que manifestação foi essa que ninguém, aqui em Almada, deu por nada? Só você é que fala nisso, não será no mínimo estranho? Que manifestação "proibida" foi essa, Dr. Paulo Pedroso?

Repito: foi você, ilustre candidato a Presidente de uma Câmara Municipal, para além de todos os outros cargos públicos que já desempenhou, quem falou em "política canalha"?

Anónimo disse...

Boa noite,
Andei à procura por toda a Web de um contacto do Sr. Dr. Paulo Pedroso e estava mesmo complicado de encontrar! Tão complicado que ainda não encontrei um email associado! até me podem dizer isto é um blogue, poderá deixar aqui as suas questões! E eu poderei dizer não quero o meu nome exposto... Enfim! Isto para dizer: será possivel fazer um contacto privado com o Sr. Candidato?!

Obrigada, aguardo resposta!

Paulo Pedroso disse...

Boa tarde car@ anónim@,

Nos meus contactos neste blogue está incluido o endereço de mail que lhe está associado e que é pjfpedroso@hotmail.com . Pode agora contactar-me directamente, se assim o entender.